Comportamento

A arte de ver.

imagePENSANDO ALTO….

É tanto que não vemos no dia a dia! Parece que tudo tem um sabor de notícia antiga, conhecida e sem muita importância. Corremos de um lado para outro atrás do relógio exatamente como o Sr. Coelho em Alice no país das maravilhas – um ser que não percebe nada à sua volta, totalmente focado no próximo destino.

Respire…. É preciso parar… parar e olhar…. e olhar mais um pouco. Você não precisa parar fisicamente, apenas sentir o instante e olhar com a inteligência e o coração. As minhas mãos podem estar ocupadas enquanto o meu ser observa.

Tudo sempre começa a partir de mim mesma. O que eu estou fazendo? Porque estou fazendo isso? Como eu realmente me sinto neste momento? Assim eu aprendo a observar e perceber que existe muito mais do que a minha visão limitada pelo cotidiano me mostra.

Ninguém é aquilo que aparenta ser, nem eu mesma. Não é que sejamos todos dissimulados, apenas não aprendemos a ver, nem dentro, nem fora.

Se você ainda não tem as respostas, continue fazendo perguntas. Fazer perguntas é um grande estimulo à criatividade, apenas pergunte! Pergunte a você mesma tudo que vier à sua mente!!!

Será que eu realmente conheço quem está à minha volta? Os meus filhos, marido/esposa, pais, amigos, quem são essas pessoas? O que elas querem, o que sonham? Quais são os seus medos, as suas dificuldades? Porque fazem o que fazem? De onde vem esta ou aquela atitude?

Perguntas são a chave para o olhar atento, pois quando você pergunta, assume que não conhece. O não conhecer, pré-julgar ou rotular, abre a sua visão para perceber novas respostas, novas realidades.

Quando nos abrimos para ver de verdade, nos tornamos mais humanos, mais tolerantes. Percebemos que as falhas de cada um não são defeitos de fabricação, mas dificuldades temporárias que podem ser suavizadas com a nossa compreensão.

É importante perceber que não somos peças acabadas, mas obras em constante transformação. Você tem dado oportunidade e apoio para que as pessoas, uma dentro e tantas fora de você mudem, cresçam, floresçam?

A descoberta deste mundo infinitamente desconhecido é extremamente intrigante e pode fazer a vida muito mais interessante de ser vivida. É isso que faz das crianças, seres tão disponíveis para a vida!

Desejo a você, uma vida presente!!!

(Visited 46 times, 1 visits today)

2 Comentários

  • Cris Langner

    Parar para ler essa reflexão valeu muito a pena, para acordarmos para quem, e o que, está ao nosso redor, darmos mais importância a esse fato. Uma mudança necessária! Obrigada e parabéns por esse artigo, valeu muitooo!

    • Patricia Boechat

      Obrigada, querida, fico muito contente que tenha sido útil pra você! Estamos todos juntos na busca por mais consciência e clareza em nossas vidas! É sempre bom demais ter você por perto ❤️

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *